Não é só no Triângulo das Bermudas que coisas estranhas acontecem. Em outra região do Oceano Atlântico, um navio de 282 toneladas chamado Mary Celeste foi encontrado sem ninguém a bordo no ano de 1872. Os mantimentos e os pertences da tripulação ainda estavam no barco e o único bote salva-vidas havia desaparecido, o que indicava que talvez as pessoas tivessem fugido. A questão é que as dez pessoas nunca mais foram vistas.

Ficha Técnica:

ROTEIRISTA: Victor Lisita / EDITOR DE VÍDEO: Elton Carvalho, Herbert Ramos / ILUSTRADOR (THUMBNAIL): Marco Túlio Dutra / DIRETOR DE FOTOGRAFIA / OPERADOR DE CÂMERA: Francisco (Sombra) / CINEGRAFISTA: Cristiano Dos Santos / ASSITENTE DE CÂMERA: Carlos de Freitas / AUXILIAR TÉCNICO: Osvaldo Freitas (Tracajá) / PRODUTOR: Thales da Guarda / CAPTAÇÃO E EDIÇÃO DE ÁUDIO: Guilherme Borges / CHEFE DEP. YOUTUBE: Muryllo Vilela / REVISÃO DE ROTEIROS: Fernando Brandão / PRODUTOR EXECUTIVO: Luiz Phellype Alves